Destaques

Ciências Sociais e Humanas

Conheça 14 graduações que estudam as formas de pensar e agir da sociedade com conceitos teóricos e práticas que dialogam com as necessidades do mundo atual

Por Mathias Sallit e Patrícia Carvalho

BIBLIOTECONOMIA

O bibliotecário pode ser considerado um profissional da área de informação, o que o torna um dos mais procurados no mercado. As oportunidades de trabalho se concentram em bibliotecas, museus, organizações não governamentais e instituições públicas e privadas.

Nesses espaços, ele desempenha funções relacionadas a consultoria, pesquisa, organização, alimentação de banco de dados e tratamento técnico de preservação de recursos informacionais.

Segundo Valéria Valls, coordenadora do curso de Biblioteconomia da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP), há uma tendência no mercado de trabalho em centros de informação ou documentação de empresas, bancos e sites de conteúdo.

Outra área que ganha cada vez maior importância no mercado é a de transformação de bibliotecas em espaços de produção de informação. “O desenho de ações de promoção de leitura e de formação de leitores requer um alto grau de cultura e criatividade na formulação de intervenções capazes de motivar o interesse pelas obras, de acordo com as características dos distintos tipos de destinatários”, explica a coordenadora.

Ao longo da formação, o curso deve oferecer aos alunos uma grade curricular que trabalhe temas sociais e culturais, além de conteúdos que envolvam o uso de ferramentas de tecnologia da informação.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

DF Brasília: UnB

MG Belo Horizonte: UFMG

PE Recife: UFPE

SP Marília: Unesp | São Paulo: USP

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Ufal

CE Fortaleza: UFC | Juazeiro do Norte: UFCA

ES Vitória: Ufes

MA São Luís: UFMA

PR Londrina: UEL

RJ Rio de Janeiro: UFRJ, Unirio

RN Natal: UFRN

RS Porto Alegre: UFRGS

SC Florianópolis: Udesc, UFSC

SE São Cristóvão: UFS

SP Campinas: PUC-Campinas | Ribeirão Preto: USP | São Carlos: UFSCar | São Paulo: FESPSP, Unifai

+ Info

CIÊNCIAS SOCIAIS

Dedicado ao estudo das organizações resultantes da vida em sociedade, o cientista social possui uma atuação ampla no mercado de trabalho. Segundo Jimmy Medeiros, coordenador da graduação em Ciências Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV) no Rio de Janeiro, a maior parte dos egressos do curso atua no ensino. Nesse caso, é necessário ter a titulação em licenciatura. Porém, com a reforma do ensino médio em 2017 e o fim da obrigatoriedade da disciplina de sociologia nesse nível de ensino, a área de docência pode ser impactada a médio e longo prazo.

Para além dessa atuação, há um contingente grande de bacharéis que “atuam em responsabilidade corporativa, em assessoria política e parlamentar, em pesquisas de opinião, análise do consumidor e avaliação de políticas públicas”, explica Medeiros.

Ao longo da formação, o curso deve dar ênfase à teoria social e relacioná-la com problemas do cotidiano. Além disso, deve estimular habilidades de pesquisa e desenvolver o conhecimento de análise de dados com o uso de softwares.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

PE Recife: UPE

PR Curitiba: UFPR (B/L)

RJ Rio de Janeiro: UFRJ

SP Campinas: Unicamp (B/L)

+ Info

 

4 ESTRELAS

AL Maceió: Ufal, Ufal (L)

BA Cachoeira: UFRB (L), UFRB | Ilhéus: Uesc (L) | Vitória da Conquista: Uesb (L)

DF Brasília: UnB, UnB (B/L)

GO Catalão: UFG | Goiânia: UFG, UFG (L)

MA São Luís: UFMA, UFMA (L)

MG Alfenas: Unifal-MG | Belo Horizonte: PUC Minas, PUC Minas (L), UFMG | Uberlândia: UFU, UFU (L) | Viçosa: UFV, UFV (L)

MS Amambaí: Uems (L) | Campo Grande: UFMS | Dourados: UFGD (B/L) | Naviraí: UFMS (L)

MT Cuiabá: UFMT, UFMT (L)

PA Marabá: Unifesspa

PB João Pessoa: UFPB (L)

PI Teresina: Uespi (L), UFPI (L)

PR Curitiba: PUCPR (L) | Laranjeiras do Sul: UFFS-PR (L) | Londrina: UEL (L) | Toledo: Unioeste (B/L)

RJ Niterói: UFF | Rio de Janeiro: FGV, PUC-Rio, PUC-Rio (L), Uerj, Uerj (L), UFRJ (L)

RN Mossoró: Uern, Uern (L)

RS Erechim: UFFS-RS (L) | Pelotas: UFPel, UFPel (L) | Porto Alegre: PUCRS, PUCRS (L) | Santa Maria: UFSM, UFSM (L) | São Borja: Unipampa | São Leopoldo: Unisinos (L)

SC Blumenau: Furb (L)

SP Araraquara: Unesp (B/L) | Campinas: PUC-Campinas, PUC-Campinas (L) | Guarulhos: Unifesp, Unifesp (L) | Marília: Unesp (B/L) | São Carlos: UFSCar | São Paulo: FESPSP, PUC-SP

+ Info

CINEMA E AUDIOVISUAL

Enquanto o cinema brasileiro lançava em 2019 filmes de sucesso entre críticos e público, como Bacurau, A Vida Invisível e Minha Mãe é uma Peça 3, o crescente número de televisões ligadas em plataformas de streaming movimenta os bastidores do mercado para além das telonas. “A tendência do campo do audiovisual é de ampliar o seu escopo, visto a necessidade de criação de conteúdo para as distintas plataformas de exibição existentes e por criar”, conta Eduardo Fonseca, coordenador do curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila).

Essa graduação prepara o profissional para atuar nas diversas fases da produção audiovisual, como roteirização, direção e produção, além das etapas de fotografia, som,  edição e montagem de filmes, documentários, séries e programas de TV e canais digitais.

Uma boa formação vai oferecer ao aluno uma base teórica e prática, que possibilita a atuação nas áreas técnicas, além da formação pessoal, que, segundo Fonseca, vai direcionar as atividades artísticas para “fomentar a produção de ideias criativas, éticas e socialmente responsáveis”.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

MG Juiz de Fora: UFJF

SP São Paulo: Faap

+ Info

4 ESTRELAS

CE Fortaleza: Unifor

DF Brasília: Iesb

GO Goiânia: UEG

MG Belo Horizonte: Faculdade Una de Liberdade, PUC Minas

PE Olinda: Fibam

PR Foz do Iguaçu: Unila

RJ Niterói: UFF, UFF (L) | Rio de Janeiro: ESPM Rio, Estácio, Facha

RS São Leopoldo: Unisinos

SC Florianópolis: UFSC | Palhoça: Unisul

SP Campinas: Unicamp | Salto: Ceunsp | São Carlos: UFSCar | São Paulo: Senac-SP, Universidade Anhembi Morumbi, USP

+ Info

DIREITO

São diversas as possibilidades que o diploma de Direito oferece aos estudantes, desde a advocacia até as carreiras públicas, como juiz, promotor de justiça, defensor ou procurador. Áreas tradicionais, entre elas Direito Civil, Penal e Trabalhista, sempre apresentam alta demanda profissional, mas a área jurídica também mostra novos caminhos. “Eu citaria Direito e Tecnologia, Direitos Autorais e Direito Regulatório como as áreas que apresentarão maior crescimento”, aponta Thiago Bottino, coordenador do curso de Direito da Fundação Getúlio Vargas (FGV) do Rio de Janeiro. A aprovação no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) ao final do curso é requisito para o exercício da profissão jurídica.

Segundo o Ministério da Educação, Direito é a graduação que mais possui alunos matriculados no ensino superior brasileiro. Para se destacar na área, Bottino ressalta a importância de um aluno com perfil criativo, proativo e com capacidade de liderança.

Além disso, o coordenador conta que uma abertura no currículo para que o estudante possa se aprofundar na área em que deseja atuar, aulas participativas e possibilidades de internacionalização podem ser diferenciais para uma boa formação na faculdade.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

MG Belo Horizonte: PUC Minas | Betim: PUC Minas

RS Pelotas: UFPel | Porto Alegre: FMP

SP Campinas: PUC-Campinas | São Paulo: USP

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Unit-AL

BA Salvador: Uneb, Unifacs, UniRuy | Wyden

CE Fortaleza: UFC, Unifor

DF Brasília: IDP, Iesb, Iesb, UCB-DF, UnB

ES Vitória: FDV

GO Goiânia: PUC Goiás, Unialfa | Goiás: Faceg-GO

MA Imperatriz: UFMA | São Luís: UFMA, UNDB

MG Arcos: PUC Minas | Belo Horizonte: Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix, Fumec, Newton Paiva, UFMG | Contagem: Faculdade Una de Contagem, PUC Minas | Coronel Fabriciano: Unileste | Itaúna: UIT | Juiz de Fora: UFJF | Lavras: Ufla | Nova Lima: FMC | Ouro Preto: Ufop | Pará de Minas: Fapam | Poços de Caldas: PUC Minas | São Gotardo: Cesg | Três Pontas: Fateps | Uberlândia: Faculdade Una de Uberlândia, PUC Minas, UFU | Viçosa: UFV

MS Campo Grande: Centro Universitário Anhanguera de Campo Grande, UCDB | Dourados: UFGD, Unigran

PA Belém: Cesupa, Estácio FAP, Faci | Wyden, UFPA, Unama | Marabá: Unifesspa

PB João Pessoa: Unipê | Sousa: UFCG

PE Recife: Unicap

PI Corrente: Uespi | Floriano: Uespi | Parnaíba: Uespi

PR Curitiba: PUCPR, UFPR, Unicuritiba, UP | Foz do Iguaçu: UDC Sede | Guaíra: Unipar | Guarapuava: Centro Universitário Campo Real | Londrina: PUCPR, UEL | Maringá: PUCPR, UEM | Ponta Grossa: UEPG | Toledo: PUCPR | Umuarama: Unipar

RJ Petrópolis: UCP | Rio de Janeiro: FGV, Ibmec-RJ, Mackenzie Rio, PUC-Rio, Uerj, UFRJ, UVA-RJ | Valença: Unifaa | Volta Redonda: UFF

RN Mossoró: Ufersa

RO Porto Velho: Centro Universitário São Lucas, FCR-RO, Uniron

RS Bento Gonçalves: UCS | Canela: UCS | Canoas: Ulbra, Unilasalle-RS | Carazinho: UPF | Casca: UPF | Caxias do Sul: UCS | Farroupilha: UCS | Gravataí: Ulbra | Guaíba: Ulbra | Ijuí: Unijuí | Lagoa Vermelha: UPF | Passo Fundo: Imed, UPF | Pelotas: UCPel | Porto Alegre: IPA, PUCRS, UFRGS, UniRitter | Santa Maria: UFN, UFSM, Ulbra | Santa Rosa: Unijuí | São Jerônimo: Ulbra | São Leopoldo: Unisinos | Sarandi: UPF | Soledade: UPF | Três Passos: Unijuí

SC Balneário Camboriú: Univali | Biguaçu: Univali | Blumenau: Furb | Florianópolis: Unisul | Itajaí: Univali | Jaraguá do Sul: Católica SC | Joaçaba: Unoesc | Joinville: Católica SC, Univille | Pinhalzinho: Unoesc | São Miguel do Oeste: Unoesc | Xanxerê: Unoesc

SE Aracaju: Unit-SE | Estância: Unit-SE | Itabaiana: Unit-SE | São Cristóvão: UFS

SP Adamantina: Unifai | Araçatuba: Unitoledo | Bauru: ITE | Bebedouro: Unifafibe | Campinas: Facamp, Mackenzie | Franca: Unesp, FDF | Guarujá: Unaerp | Indaiatuba: Unimax | Matão: Immes-SP | Piracicaba: Unimep | Presidente Prudente: Toledo Prudente | Ribeirão Preto: CBM, Unaerp, USP | Santos: Unimonte, Unisantos | São Bernardo do Campo: Metodista | São Caetano do Sul: USCS | São Paulo: Faap, FGV Direito SP, Mackenzie, PUC-SP, São Judas, Unib, UniDrummond, Unisa, Universidade Anhembi Morumbi | Sorocaba: Uniso

TO Palmas: Ceulp/Ulbra, Unitins

+ Info

GEOGRAFIA

O profissional formado em Geografia se dedica ao estudo da ocupação humana em territórios urbanos e rurais, o que pode ser feito pelo exercício de diversas atividades. “As áreas mais requisitadas hoje são órgãos governamentais, ONGs e empresas que demandam profissionais habilitados para trabalhar em estudos de avaliação de impactos ambientais, elaborando mapas e realizando levantamentos de dados do relevo, clima, vegetação e dinâmica socioeconômica”, contextualiza Marcelo Zanetti, coordenador do curso de Geografia da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-Minas). Ele também dá destaque à área de geotecnologia, na qual são elaborados bancos de dados georreferenciados, como imagens de satélite.

Ao ingressar na graduação de Geografia, o estudante tem as opções de cursar bacharelado ou licenciatura. Após a formação, o bacharel pode desempenhar funções nas áreas de pesquisa, caracterização de regiões, diagnóstico e solução de problemas relacionados a recursos naturais e mapeamento regional. Já o licenciado atua na área de ensino, principalmente na educação básica.

Independentemente da titulação, porém, o curso deve oferecer um conteúdo diversificado, com atividades práticas e interdisciplinares, a partir de uma formação humanista. Além disso, também é fundamental que a graduação proporcione ao aluno oportunidades de estágio e monitorias.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

GO Goiânia: UFG (L)

MG Diamantina: UFVJM (L) | Juiz de Fora: UFJF

PR Curitiba: UFPR (B/L)

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Ufal, Ufal (L)

AM Manaus: Ufam (L)

AP Macapá: Unifap (L)

BA Barreiras: Ufob, Ufob (L) | Feira de Santana: Uefs, Uefs (L) | Ilhéus: Uesc, Uesc (L) | Salvador: IFBA (L) | Santo Antônio de Jesus: Uneb (L) | Senhor do Bonfim: Univasf-BA (L) | Vitória da Conquista: Uesb (L)

CE Fortaleza: Uece, Uece (L), UFC, UFC (L) | Limoeiro do Norte: Uece (L)

DF Brasília: UnB, UnB (L)

ES Vitória: Ufes, Ufes (L)

GO Catalão: UFG, UFG (L) | Goiânia: PUC Goiás (L), UFG | Jataí: UFG, UFG (L)

MA São Luís: UFMA, UFMA (L)

MG Alfenas: Unifal-MG, Unifal-MG (L) | Belo Horizonte: PUC Minas, PUC Minas (L), UFMG, UFMG (L) | Ituiutaba: UFU (B/L) | São João del Rey: UFSJ, UFSJ (L) | Uberaba: UFTM (L) | Uberlândia: UFU (L) | Viçosa: UFV, UFV (L)

MS Campo Grande: UFMS | Corumbá: UFMS (L) | Dourados: UFGD (B/L) | Três Lagoas: UFMS, UFMS (L)

PA Belém: Uepa (L), UFPA, UFPA (L)

PB Cajazeiras: UFCG (L)

PE Recife: UFPE

PI Teresina: UFPI (L)

PR Francisco Beltrão: Unioeste, Unioeste (L) | Londrina: UEL | Marechal Cândido Rondon: Unioeste (L) | Maringá: UEM (L) | Ponta Grossa: UEPG, UEPG (L)

RJ Campos dos Goytacazes: UFF | Niterói: UFF, UFF (L) | Rio de Janeiro: PUC-Rio, PUC-Rio (L), Uerj, UFRJ, UFRJ (L) | São Gonçalo: Uerj (L)

RN Caicó: UFRN, UFRN (L) | Natal: IFRN (L), UFRN, UFRN (L) | Pau dos Ferros: Uern (L)

RS Erechim: UFFS-RS (L) | Pelotas: UFPel, UFPel (L) | Porto Alegre: PUCRS, PUCRS (L), UFRGS, UFRGS (L) | Santa Maria: UFSM, UFSM (L)

SC Chapecó: UFFS-SC (L) | Florianópolis: Udesc

SE Itabaiana: UFS (L) | São Cristóvão: UFS, UFS (L)

SP Campinas: PUC-Campinas (L), Unicamp (B/L) | Ourinhos: Unesp (B/L) | Presidente Prudente: Unesp (B/L) | Rio Claro: Unesp (B/L) | São Paulo: IFSP (L), USP (B/L)

+ Info

HISTÓRIA

Voltada para o estudo do passado humano por meio de documentos, a formação do profissional de História pode ser realizada nas titulações de bacharelado ou licenciatura. A principal diferença entre os dois tipos está nas áreas de atuação do formado. Enquanto o bacharel atua como historiador e pesquisador em museus, sindicatos e associações, o licenciado ministra aulas para os níveis fundamental e médio, área com maior absorção de profissionais atualmente.

Segundo Rui Rodrigues, coordenador do curso de História da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a melhor alternativa é cursar as duas opções: “A realização de ambos os cursos de forma conjunta é perfeitamente possível, em termos curriculares, dentro de um período de formação de quatro anos. De fato, a opção de fazer apenas a licenciatura é empobrecedora, porque o aluno deixa de receber de modo mais integral a formação que fará dele um pesquisador. O bom bacharel, que soma a essa formação como pesquisador a formação mais diretamente pedagógica, disponibilizada pela licenciatura, terá condições muito mais efetivas para ser um bom professor nos níveis fundamental e médio”.

Para capacitar os profissionais, a graduação na área deve contar com bibliotecas formadas por vastos acervos, instalações adequadas e um corpo docente composto por professores com mestrado e doutorado.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

MG Belo Horizonte: UFMG, UFMG (L) | Ituiutaba: UFU (B/L) | São João del Rey: UFSJ (L) | Uberlândia: UFU, UFU (L)

PR Curitiba: UFPR (B/L)

RJ Rio de Janeiro: Unirio, Unirio (L)

RS São Leopoldo: Unisinos (L)

SP Assis: Unesp (L) | Campinas: Unicamp (B/L) | Franca: Unesp (B/L)

+ Info

4 ESTRELAS

AL Delmiro Gouveia: Ufal (L) | Maceió: Ufal, Ufal (L)

AM Parintins: UEA (L)

BA Feira de Santana: Uefs (L) | Ilhéus: Uesc (L)

DF Brasília: UnB, UnB (L)

ES Vitória: Ufes, Ufes (L)

GO Catalão: UFG (L) | Goiânia: PUC Goiás (L) | Goiânia: UFG (L) | Jataí: UFG (L)

MG Alfenas: Unifal-MG (L) | Belo Horizonte: PUC Minas, PUC Minas (L), UniBH (L) | Diamantina: UFVJM (L) | Juiz de Fora: UFJF, UFJF (L) | Mariana: Ufop, Ufop (L) | Montes Claros: Unimontes (L) | São Francisco: Unimontes (L) | São João del Rey: UFSJ | Uberaba: UFTM (L) | Viçosa: UFV, UFV (L)

MS Amambaí: Uems (L) | Campo Grande: UFMS (L) | Três Lagoas: UFMS (L)

PA Xinguara: Unifesspa (L)

PB João Pessoa: UFPB (L)

PE Garanhuns: UPE (L) | Nazaré da Mata: UPE (L) | Petrolina: UPE (L) | Recife: UFPE, UFPE (L), UFRPE (L), Unicap (L)

PI Picos: UFPI (L)

PR Curitiba: PUCPR (L), UFPR, UTP (L) | Foz do Iguaçu: Unila (L) | Guarapuava: Unicentro (L) | Irati: Unicentro (L) | Londrina: UEL (L) | Marechal Cândido Rondon: Unioeste (L) | Maringá: UEM (L) | Paranaguá: Unespar (L) | Ponta Grossa: UEPG (L)

RJ Campos dos Goytacazes: UFF, UFF (L) | Petrópolis: UCP (L) | Rio de Janeiro: PUC-Rio, PUC-Rio (L), Uerj, Uerj (L), UFRJ, UFRJ (L), UVA-RJ (L) |

São Gonçalo: Uerj (L)

RN Mossoró: Uern (L) | Natal: UFRN (L)

RO Rolim de Moura: Unir (L)

RS Caxias do Sul: UCS (L) | Erechim: UFFS-RS (L) | Passo Fundo: UPF (L) | Pelotas: UFPel, UFPel (L) | Porto Alegre: PUCRS, PUCRS (L), UFRGS | Santa Maria: UFSM, UFSM (L)

SC Blumenau: Furb (L) | Chapecó: UFFS-SC (L) | Criciúma: Unesc-SC (L) |

Florianópolis: Udesc, Udesc (L), UFSC | Joinville: Univille (L)

SE São Cristóvão: UFS (L)

SP Adamantina: Unifai (L) | Campinas: PUC-Campinas, PUC-Campinas (L) | Guarulhos: Unifesp, Unifesp (L) | Piracicaba: Unimep (L) | Santos: Unisantos (L) | São José dos Campos: Univap (L) | São Paulo: PUC-SP, PUC-SP (L), Unicid (L), Unifai (L), Unisa

+ Info

JORNALISMO

As possibilidades do Jornalismo vão muito além do trabalho de repórter, produtor ou editor de mídias tradicionais, como jornais, televisão e rádio. Com as mudanças da sociedade, o Jornalismo se expandiu e fortalece iniciativas independentes e inovadoras, jornalismo investigativo, jornalismo de dados, assessoria de imprensa e podcasts, além de agências de checagem de notícias, que combatem as fake news.

Com um público jovem cada vez mais conectado às redes sociais, a tendência do Jornalismo é apontar para essa convergência de plataformas. “O que está mais em alta são justamente as iniciativas que envolvam inovação e a convergência de mídias digitais com conteúdos audiovisuais”, acredita Carla Teixeira, coordenadora do curso de Jornalismo da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap).

Seguindo as tendências do mercado, a graduação deve oferecer recursos para que o estudante tenha uma base técnica que lhe permita apurar informações de forma correta e profunda. Além disso, ampliar as visões de mundo do aluno é outro diferencial importante. “O curso deve oferecer essa formação bem sólida para que ele consiga contextualizar um fato, investigar e trazer uma notícia”, explica a coordenadora.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

SP >Bauru: Unesp

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Ufal

BA Juazeiro: Uneb

CE Fortaleza: Unifor

DF Brasília: Iesb, UCB-DF |

GO Goiânia: PUC Goiás, UFG |

MA São Luís: UFMA |

MG elo Horizonte: PUC Minas, UFMG | Coronel Fabriciano: Unileste | Juiz de Fora: UFJF | Mariana: Ufop | São João del Rey: UFSJ | Uberlândia: UFU | Varginha: Unis-MG | Viçosa: UFV

PA Belém: UFPA

PB Campina Grande: UEPB

PE Recife: UFPE, Unicap

PI Teresina: UFPI

PR Curitiba: PUCPR, UTP | Londrina: UEL

RJ Rio de Janeiro: ESPM Rio, Uerj, UFRJ, Unicarioca | Volta Redonda: UniFOA

RS Caxias do Sul: UCS | Passo Fundo: UPF | Porto Alegre: ESPM Sul, PUCRS, UFRGS, UniRitter, Unisinos | Santa Maria: UFN, UFSM | São Leopoldo: Unisinos |

SC Blumenau: Furb | Chapecó: Unochapecó | Criciúma: Faculdade SATC | Itajaí: Univali |

SE Aracaju: Unit-SE | São Cristóvão: UFS |

SP Campinas: PUC-Campinas | Presidente Prudente: Unoeste | Santos: Unisantos | São Bernardo do Campo: Metodista | São Caetano do Sul: USCS | São Paulo: Belas Artes, Cásper, ESPM SP, Fapcom, Fiam-Faam Centro Universitário, Mackenzie, PUC-SP, São Judas, USP | Taubaté: Unitau

+ Info

LETRAS

O estudo da língua portuguesa e de um idioma estrangeiro, escolhido pelo estudante no momento da matrícula ou ao longo do curso, é a base da formação em Letras. A graduação em bacharelado nessa área permite que o profissional trabalhe como editor de textos, revisor, redator, tradutor e intérprete. Também é possível atuar em instituições que lidam com questões internacionais, como importadoras, bancos e empresas transnacionais.

Ao escolher a licenciatura, o profissional tem como principal área de atuação a docência para a educação básica em instituições públicas e privadas.

Segundo José Cavalcante, coordenador do curso de Letras da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), há uma grande demanda por professores tanto em instituições de ensino privadas quanto públicas, por meio de concursos públicos. Por esse motivo, um projeto pedagógico que contemple as diversas áreas da linguagem é essencial na graduação de Letras. O coordenador também dá destaque para a importância do incentivo à pesquisa ao longo da formação dos alunos.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

MG Belo Horizonte: PUC Minas (L), UFMG, UFMG (L) | Uberlândia: UFU (L)

MS Três Lagoas: UFMS (L)

PE Recife: UFPE (L)

PR Londrina: UEL (L) | Matinhos: UFPR (L)

RJ Niterói: UFF (L)

RS Porto Alegre: UFRGS, UFRGS (L) | São Leopoldo: Unisinos (L)

SC Chapecó: UFFS-SC (L)

SP Araraquara: Unesp (B/L) | Campinas: PUC-Campinas, PUC-Campinas (L) | Guarulhos: Unifesp, Unifesp (L) | São Carlos: UFSCar (L) | São José do Rio Preto: Unesp, Unesp (L)

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Ufal (L)

AP Oiapoque: Unifap (L)

BA Alagoinhas: Uneb (L) | Amargosa: UFRB (L) | Caetité: Uneb (L) | Conceição do Coité: Uneb (L) | Euclides da Cunha: Uneb (L) | Itaberaba: Uneb (L) | Jequié: Uesb (L) | Salvador: Ucsal (L), Uneb (L) | Santo Antônio de Jesus: Uneb (L) | Seabra: Uneb (L)

CE Fortaleza: Uece | Iguatu: Uece (L)

DF Brasília: UnB (L)

GO Anápolis: UEG (L) | Goiânia: PUC Goiás (L)

MA São Luís: UFMA (L)

MG Belo Horizonte: Cefet-MG, PUC Minas | Juiz de Fora: UFJF, UFJF (L) | Lavras: Ufla (L) | Patos de Minas: Unipam (L) | São João del Rey: IF Sudeste-MG (L), UFSJ (L) | Uberaba: UFTM (L) | Viçosa: UFV (L)

MS Aquidauana: UFMS (L) | Campo Grande: UCDB (L), Uems | Coxim: UFMS (L) | Dourados: UFGD (L), Uems (L) | Jardim: Uems (L)

MT Pontes e Lacerda: Unemat (L) | Sinop: Unemat (L) | Tangará da Serra: Unemat (L)

PA Belém: IFPA (L), Unama (L) | Cametá: UFPA (L)

PB Campina Grande: UEPB (L) | Catolé do Rocha: UEPB (L) | Guarabira: UEPB (L) | João Pessoa: UFPB (L)

PE Garanhuns: UPE (L) | Nazaré da Mata: UPE (L) | Petrolina: UPE (L)

PI Picos: UFPI (L)

PR Cascavel: FAG (L), Unioeste (L) | Curitiba: PUCPR (L), Santa Cruz | Foz do Iguaçu: Unila (L), Unioeste (L) | Londrina: UEL | Pato Branco: UTFPR (L) | Realeza: UFFS-PR (L) | União da Vitória: Unespar (L)

RJ Petrópolis: UCP (L) | Rio de Janeiro: PUC-Rio, PUC-Rio (L), UFRJ (L), Unirio, Unirio (L), UVA-RJ (L) | São Gonçalo: Uerj (L)

RN Açu: Uern (L) | Mossoró: Uern (L) | Patu: Uern (L) | Pau dos Ferros: Uern (L)

RS Canoas: Unilasalle-RS (L) | Caxias do Sul: UCS (L) | Cerro Largo: UFFS-RS (L) | Feliz: IFRS (L) | Ijuí: Unijuí (L) | Passo Fundo: UPF (L) | Pelotas: UFPel (L) | Porto Alegre: PUCRS (L) | Santa Maria: UFSM (L)

SC Caçador: Uniarp (L) | Criciúma: Unesc-SC (L) | Florianópolis: UFSC |

Itajaí: Univali (L) | Joinville: Univille (L) | Tubarão: Unisul (L)

SE São Cristóvão: UFS (L)

SP Assis: Unesp (L) | Campinas: Unicamp, Unicamp (L) | Franca: Uni-Facef (L) | Jaú: FIJ (L) | Lorena: Unifatea (L) | Presidente Prudente: Unoeste (L) | Ribeirão Preto: CBM (L) | Santos: Unisantos (L) | São Bernardo do Campo: Metodista | São Paulo: FMU (L), IFSP (L), Mackenzie, Mackenzie (L), PUC-SP, PUC-SP (L), São Judas | São Vicente: Unibr São Vicente (L) | Taubaté: Unitau (L)

+ Info

PEDAGOGIA

Oferecido na titulação de licenciatura, o curso de Pedagogia capacita profissionais para dar aulas no ensino infantil e fundamental. Entretanto, além da sala de aula, o pedagogo pode trabalhar nas áreas de coordenação, direção escolar de instituições públicas e privadas, em projetos socioeducativos e até mesmo em hospitais, com o ensino às crianças hospitalizadas.

Para Marilia Marino, coordenadora do curso de Pedagogia da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), uma tendência no mercado de trabalho para o pedagogo é a possibilidade de atuar com as equipes de recursos humanos no ambiente empresarial.

Com o objetivo de formar profissionais de educação, a graduação de Pedagogia deve oferecer uma matriz curricular interdisciplinar, com conteúdos sobre técnicas de aprendizagem, conhecimentos sobre a condição humana em seus vários ciclos de vida, sociabilidade e gestão de sala de aula. “Um bom curso precisa garantir boas condições para a realização dos estágios e práticas”, acrescenta a coordenadora.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

AM Humaitá: Ufam (L)

BA Feira de Santana: Uefs (L)

MG Belo Horizonte: PUC Minas (L) | Mariana: Ufop (L)

MS Dourados: UFGD (L)

PR Curitiba: PUCPR (L) | Londrina: UEL (L)

RJ Rio de Janeiro: UFRJ (L)

RS Porto Alegre: PUCRS (L)

SC Florianópolis: UFSC (L)

SP Ribeirão Preto: USP (L) | São Carlos: UFSCar (L) | São Paulo: Mackenzie (L), USP (L) | Sorocaba: UFSCar (L)

+ Info

4 ESTRELAS

AL Arapiraca: Ufal (L) | Delmiro Gouveia: Ufal (L) | Maceió: UMJ (L), Ufal (L)

AM Benjamin Constant: Ufam (L) | Manaus: Uninorte (L) | Parintins: UEA (L) | Tabatinga: UEA (L)

BA Itabuna: Unime Itabuna (L) | Itapetinga: Uesb (L) | Jequié: Uesb (L) | Lauro de Freitas: Unime Lauro de Freitas (L), Uninassau-Lauro de Freitas (L) | Luís Eduardo Magalhães: Unifaahf (L) | Paripiranga: UniAGES (L) | Salvador: São Salvador (L), Unidom (L), Unijorge (L), Unime Salvador (L) | Teixeira de Freitas: Faculdade Pitágoras de Teixeira de Freitas (L) | Vitória da Conquista: Uesb (L)

CE Fortaleza: Uece (L), UFC (L), Uni7 (L) | Iguatu: Uece (L)

DF Brasília: Iesb (L), UDF (L), UnB (L)

ES Colatina: Unesc-ES (L) | Vitória: Faesa (L)

GO Goiânia: IFG (L), PUC Goiás (L) | Morrinhos: IF Goiano (L)

MA Imperatriz: Facimp | Wyden (L), Uemasul (L) | São Luís: Faculdade Pitágoras de São Luís (L), UFMA (L)

MG Alfenas: Unifal-MG (L) | Belo Horizonte: Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix (L), Faculdade Una de Aimorés (L), UFMG (L), UniBH (L) | Betim: Faculdade Una de Betim (L) | Cataguases: FIC-MG (L) | Diamantina: UFVJM (L) | Governador Valadares: Univale (L) | Guaxupé: Unifeg (L) | Itajubá: Fepi (L) | Ituiutaba: UFU (L) | Iturama: Fama-Iturama (L) | Juiz de Fora: UFJF (L) | Lavras: Ufla (L) | Machado: Cesep (L) | Pará de Minas: Fapam (L) | Ponte Nova: Fupac Ponte Nova (L) | Pouso Alegre: Univás (L) | São João del Rey: UFSJ (L) | Três Pontas: Fateps (L) | Ubá: Unifagoc (L) | Uberaba: Uniube (L) | Uberlândia: UFU (L) | Unaí: Factu (L) | Varginha: Unis-MG (L) | Viçosa: FDV-MG (L)

MS Campo Grande: UCDB (L), Uems (L), UFMS (L) | Dourados: Unigran (L), Uems (L) | Naviraí: UFMS (L)

MT Cáceres: Unemat (L)

PA Abaetetuba: UFPA (L) | Altamira: UFPA (L) | Belém: IFPA (L), UFPA (L) | Marabá: Unifesspa (L)

PB João Pessoa: Uninassau-João Pessoa (L)

PE Caruaru: Uninassau-Caruaru (L) | Jaboatão dos Guararapes: Metropolitana (L) | Petrolina: UPE (L)

PI Floriano: UFPI (L) | Parnaíba: UFPI (L), Uninassau-Parnaíba (L) | Picos: UFPI (L), Faculdade R. Sá (L), Uespi (L) | Uruçuí: Uespi (L)

PR Arapongas: Unopar (L) | Cascavel: FAG (L) | Cianorte: UEM (L) | Curitiba: Santa Cruz (L), UFPR (L), UniBrasil (L), UP (L), UTP (L) | Foz do Iguaçu: Unioeste (L) | Francisco Beltrão: Unioeste (L) | Londrina: Unopar (L) | Maringá: SMG (L), Unicesumar-Maringá (L) | São José dos Pinhais: Faculdades da Indústria (L) | União da Vitória: Unespar (L)

RJ Belford Roxo: Fabel-RJ (L) | Duque de Caxias: Uerj (L), Unigranrio (L) | Petrópolis: UCP (L) | Rio de Janeiro: Celso Lisboa (L), Faetec (L), PUC-Rio (L), Uerj (L), Unisuam (L) | São Gonçalo: Uerj (L) | Valença: Unifaa (L)

RN Mossoró: Uern (L) | Natal: Unifacex (L), Uninassau-Natal (L), UnP (L) | Patu: Uern (L) | Pau dos Ferros: Uern (L)

RS Alegrete: Uergs (L) | Bagé: Uergs (L) | Bento Gonçalves: IFRS (L), UCS (L) | Cachoeirinha: Cesuca (L) | Canoas: Ulbra (L) | Carazinho: UPF (L) | Caxias do Sul: UCS (L) | Cruz Alta: Uergs (L) | Dom Pedrito: Unipampa | Erechim: UFFS-RS (L) | Ijuí: Unijuí (L) | Lagoa Vermelha: UPF (L) | Osório: Uergs (L) | Passo Fundo: UPF (L) | Porto Alegre: IPA (L), UniRitter (L) | Santa Rosa: Unijuí (L) | São Leopoldo: Unisinos (L) | São Luiz Gonzaga: Uergs (L) | Soledade: UPF (L)

SC Brusque: Unifebe (L) | Camboriú: IFC (L) | Campos Novos: Unoesc (L) | Capinzal: Unoesc (L) | Chapecó: Unochapecó (L) | Criciúma: Unesc-SC (L) | Florianópolis: Udesc (L) | Joinville: FGG (L), UniSociesc (L) | Lages: Uniplac (L) | São Miguel do Oeste: Unoesc (L) | Videira: IFC (L), Unoesc (L) | Xanxerê: Unoesc (L)

SE Aracaju: Uninassau-Aracaju (L), Unit-SE (L) | Itabaiana: UFS (L) | São Cristóvão: UFS (L)

SP Araçatuba: Unitoledo (L) | Araraquara: Unesp (L) | Barretos: Unifeb (L) | Bauru: Unesp (L) | Bragança Paulista: USF (L) | Campinas: PUC-Campinas (L), Unicamp (L) | Carapicuíba: Estácio Carapicuíba (L) | Dracena: Unifadra (L) | Engenheiro Coelho: Unasp (L) | Espírito Santo do Pinhal: Unipinhal (L) | Fernandópolis: FEF (L) | Franca: Unifran (L) | Guarulhos: Unifesp (L), Univeritas-Guarulhos (L) | Itatiba: USF (L) | Ituverava: FFCL (L) | Lins: Unisalesiano (L) | Marília: Unesp (L) | Mogi das Cruzes: UMC (L), Braz Cubas (L) | Osvaldo Cruz: Reges-Osvaldo Cruz (L) | Piracicaba: Unimep (L) | Porto Ferreira: Unicep (L) | Presidente Prudente: Fapepe (L), Unesp (L), Unoeste (L) | Ribeirão Preto: CBM (L), Moura Lacerda (L) | Rio Claro: Claretiano-Centro Universitario (L), Unesp (L), Unicep (L) | Santos: Unimes (L), Unimonte (L), Unisantos (L) | São Bernardo do Campo: Fasb (L), Metodista (L) | São Caetano do Sul: USCS (L) | São José do Rio Preto: Unesp (L), Unirp (L) | São José dos Campos: Univap (L) | São Paulo: Faita (L), Famesp (L), Instituto Vera Cruz (L), PUC-SP (L), Unasp (L), Unicid (L), UniSant’Anna (L), Universidade Anhembi Morumbi (L), Universidade Cruzeiro do Sul (L) | São Vicente: Unibr São Vicente (L) | Sorocaba: Uniso (L)

+ Info

PUBLICIDADE E PROPAGANDA

O publicitário tem três grandes setores de atuação após a conclusão do curso: nas agências de comunicação, corporações e produtoras. Nesses ambientes, habilidades como criação e planejamento, análise de mercado e produções visuais são necessárias.

Para isso, é fundamental que o profissional seja curioso e tenha interesse em diversas áreas. “A profissão transita em diversos campos: da psicologia à tecnologia; da cultura à fotografia; do texto à estratégia de mercado; do áudio às conexões e plataformas. Você sai de uma aula sobre slogans e vai para outra sobre Freud. Isso é algo maravilhoso, poucos cursos e profissões possibilitam esse dinamismo e essa horizontalidade”, ressalta Alessandro Souza, coordenador do curso de Publicidade e Propaganda da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), no Rio Grande do Sul.

Atualmente, uma tendência no mercado é o meio digital, com funções relacionadas a gestão de redes sociais, análise de dados, curadoria de conteúdos e até mesmo desenvolvimento de aplicativos.

Com um amplo número de aulas práticas na grade curricular do curso, é essencial que a graduação ofereça uma infraestrutura adequada para a realização das atividades, com laboratórios e equipamentos.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

RS Porto Alegre: ESPM Sul

+ Info

4 ESTRELAS

AM Manaus: Uninassau-Manaus

CE Fortaleza: Unifor

GO Goiânia: PUC Goiás

MG Belo Horizonte: Fumec, UniBH | Contagem: Faculdade Una de Contagem | Poços de Caldas: PUC Minas

MS Campo Grande: UCDB

PA Belém: Unama

PB Campina Grande: Cesrei

PE Jaboatão dos Guararapes: UNIFG | Recife: UFPE, Unicap

PR Curitiba: PUCPR

RJ Rio de Janeiro: ESPM Rio, Ibmec-RJ, UFRJ

RS Caxias do Sul: UCS | Porto Alegre: PUCRS, UFRGS, UniRitter | Santa Maria: UFSM | São Leopoldo: Unisinos

SC Blumenau: Uniasselvi-Blumenau | Chapecó: Unochapecó | Itajaí: Univali | Joaçaba: Unoesc | Joinville: Faculdade Ielusc, Univille | Tubarão: Unisul

SP Campinas: PUC-Campinas | Mogi das Cruzes: UMC | Piracicaba: Unimep | Santos: Unisantos | São Paulo: Cásper, ESPM SP, Faap, Fecap, Mackenzie, PUC-SP, São Judas, USP

+ Info

RÁDIO, TV E INTERNET

O profissional graduado em Rádio, TV e Internet tem diversas possibilidades de atuação nas áreas corporativa, empresas de produção audiovisual, de radiodifusão e até mesmo no meio acadêmico. Dentre elas, o setor de audiovisual tem se revelado uma forte tendência. Segundo Fernando Moreira, coordenador do curso de Rádio, TV e Internet da Universidade do Vale do Paraíba (Univap), o ramo pode ser considerado um dos “que mais crescem no mundo, sendo hoje responsável pelo maior tráfego de conteúdo na internet. O mercado para um profissional capacitado é muito amplo e é essencial observar os novos formatos que surgem para a constante adaptação e aprendizado em termos de narrativas e tecnologias”, explica.

Para trabalhar na área, é importante ficar atento às mudanças comportamentais da sociedade e buscar novas técnicas de informar e emocionar por meio do audiovisual.

Já o curso deve ter enfoque para atividades práticas, sem deixar de lado a fundamentação teórica. “O curso deve ser forte na experimentação. Produzir audiovisual é um trabalho de constante aprendizado, pesquisa de referências e de colocar efetivamente a mão na massa, realizando e aprendendo”, acrescenta Moreira.

 

Os melhores cursos

 

4 ESTRELAS

BA Ilhéus: Uesc

MA São Luís: UFMA

RJ Rio de Janeiro: UFRJ

SP Bauru: Unesp | Salto: Ceunsp | São Caetano do Sul: USCS | São José dos Campos: Univap | São Paulo: Belas Artes, Cásper, Fapcom, São Judas, Universidade Anhembi Morumbi

+ Info

RELAÇÕES INTERNACIONAIS

O curso de Relações Internacionais (RI) possui um caráter multidisciplinar e, por esse motivo, prepara os alunos para trabalhar nos setores público, privado, na área de pesquisa ou no terceiro setor. Já as funções desenvolvidas pelo profissional de RI incluem assessoria, representação de órgãos ou empresas, diplomacia, consultoria, atividades relacionadas ao comércio exterior ou a movimentos sociais.

De acordo com Mariana Baccarini, coordenadora do curso de Relações Internacionais da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), a flexibilização das relações trabalhistas intensificou as oportunidades de trabalho no setor público, um mercado aquecido para esse profissional.

Durante a formação, é fundamental que o curso ofereça palestras, minicursos e eventos “de modo que a interface internacional seja muito presente na vivência cotidiana dos alunos”, acrescenta Baccarini. Quanto ao estudante, espera-se que ele tenha interesse em avaliar e propor soluções para questões internacionais e facilidade para se comunicar em idiomas estrangeiros.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

SP São Paulo: USP

+ Info

4 ESTRELAS

GO Goiânia: UFG

MG Belo Horizonte: PUC Minas, UFMG | Poços de Caldas: PUC Minas | Uberlândia: UFU

MS Dourados: UFGD

PB João Pessoa: UFPB

RJ Niterói: UFF, Unilasalle-RJ | Rio de Janeiro: Ibmec-RJ, PUC-Rio, UFRJ

RR Boa Vista: UFRR

RS Canoas: Unilasalle-RS | Porto Alegre: UFRGS, Unisinos | Santa Maria: UFSM | Santana do Livramento: Unipampa

SC Balneário Camboriú: Univali | Florianópolis: UFSC | Itajaí: Univali

SE São Cristóvão: UFS

SP Campinas: Facamp | Marília: Unesp | Osasco: Unifesp | Ribeirão Preto: Unaerp | Santos: Unisantos | São Paulo: ESPM SP, Faap, Fecap, Universidade Anhembi Morumbi

+ Info

RELAÇÕES PÚBLICAS

Cuidar bem da imagem transmitida ao público pode ser um diferencial de uma empresa, uma pessoa ou até mesmo de um governo. As estratégias para que essa comunicação seja positiva passam pelo profissional de Relações Públicas (RP). Esse curso vai preparar o estudante para atuar na comunicação com os seus públicos (funcionários, clientes ou imprensa), na realização de eventos, relações governamentais, gestão de crise, entre outras possibilidades. “[As empresas] precisam ter boa imagem e reputação num ambiente de grande concorrência e trocas com seus públicos”, explica a coordenadora do curso de Relações Públicas da Universidade de Taubaté (Unitau), Aline Lima. Atualmente, com a importância das redes sociais para os negócios e para o relacionamento entre pessoas e empresas, a tendência do mercado está no meio digital, por onde mais ocorre a troca entre marcas, personalidades, influenciadores e usuários.

Segundo a coordenadora, o curso de RP deve preparar profissionais criativos, com disciplinas atualizadas de acordo com as tendências e com projetos inovadores na área da comunicação, além de oferecer estrutura necessária para colocar os estudantes nesse mercado de trabalho.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

RS Porto Alegre: UFRGS

+ Info

4 ESTRELAS

BA Salvador: Ucsal, Unifacs

MA São Luís: UFMA

MG Belo Horizonte: PUC Minas

PR Curitiba: PUCPR | Londrina: UEL

RJ Rio de Janeiro: Uerj

RS Caxias do Sul: UCS | Porto Alegre: PUCRS | São Borja: Unipampa | São Leopoldo: Unisinos

SP Bauru: Unesp | Campinas: PUC-Campinas | Santos: Unisantos | São Paulo: Belas Artes, Cásper, Faap, Fapcom, Fecap

+ Info

SERVIÇO SOCIAL

O assistente social é o profissional que dá suporte à população para que as pessoas possam ter seus direitos como cidadãos garantidos. As políticas de assistência do Serviço Social são voltadas para a promoção de direitos, como saúde e habitação, com principal atuação no setor público, escolas, hospitais e ONGs. Para exercer a profissão, é preciso ser registrado no Conselho Regional de Serviço Social.

Em 2019, a Lei Nº 13.935, que garante serviços de psicologia e serviço social nas redes públicas de educação básica, foi promulgada em âmbito federal. “Isso significa a contratação de assistentes sociais para atender às necessidades e prioridades definidas pela política de educação no território nacional”, explica Maria Aparecida Rocha, coordenadora do curso de Serviço Social da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), em São Leopoldo (RS). Ela destaca ainda atuações nas áreas de acolhimento, integração local e atendimentos em espaços sócio-ocupacionais de proteção a refugiados.

A coordenadora ressalta a importância de estágios supervisionados nesses espaços  e práticas de extensão junto à sociedade para uma boa formação dos alunos durante a graduação.

 

Os melhores cursos

 

5 ESTRELAS

BA Cachoeira: UFRB

DF Brasília: UnB

GO Goiânia: PUC Goiás

RJ Rio de Janeiro: PUC-Rio, Uerj

RS Porto Alegre: PUCRS

SP Franca: Unesp | Santos: Unifesp

+ Info

4 ESTRELAS

AL Maceió: Uninassau-Maceió

AM Manaus: Fametro, Ufam | Parintins: Ufam

BA Lauro de Freitas: Uninassau-Lauro de Freitas | Salvador: Ucsal, Unidom, Universo-BA

CE Caucaia: Fatene | Crateús: FPO | Fortaleza: Unifametro, Uninassau-Fortaleza | Juazeiro do Norte: Unileão | Sobral: Uninta

DF Brasília: Iesb

ES Vitória: Ufes

GO Goiás: UFG

MA São Luís: UFMA

MG Belo Horizonte: Faculdade Una de Aimorés, PUC Minas | Ituiutaba: UFU | Juiz de Fora: UFJF | Uberaba: UFTM

PB Campina Grande: UEPB | João Pessoa: Uninassau-João Pessoa

PE Caruaru: Uninassau-Caruaru | Palmares: UPE | Recife: UFPE, Unicap, Uninabuco-Recife, Uninassau

PI Parnaíba: Uninassau-Parnaíba | Picos: Faculdade R. Sá | Teresina: UFPI

PR Curitiba: PUCPR | Francisco Beltrão: Unioeste | Ivaiporã: UEM | Londrina: UEL | Ponta Grossa: UEPG | Toledo: Unioeste

RJ Duque de Caxias: Unigranrio | Magé: Unigranrio | Niterói: UFF | Nova Iguaçu: Unigranrio | Rio das Ostras: UFF | Rio de Janeiro: UFRJ | Volta Redonda: UniFOA

RN Mossoró: Uern | Natal: Uninassau-Natal

RS Caxias do Sul: UCS | Pelotas: UCPel | Porto Alegre: UFRGS | Santa Maria: UFSM | São Borja: Unipampa | São Leopoldo: Unisinos

SC Blumenau: Furb | Florianópolis: UFSC

SE Aracaju: Uninassau-Aracaju | São Cristóvão: UFS

SP Barretos: Unifeb | Campinas: PUC-Campinas | Itaquaquecetuba: Univeritas-Guarulhos | Ribeirão Preto: Unaerp | São José dos Campos: Univap | São Paulo: FMU, PUC-SP, Unisa, Universidade Cruzeiro do Sul | Taubaté: Unitau

+ Info

Edições passadas

Veja edição 2019