Destaques

As melhores faculdades a distância

Conheça as graduações estreladas em 11 das áreas mais procuradas da modalidade que não para de crescer no País

Por Thales Valeriani

Cursar uma faculdade na modalidade de ensino a distância (EAD) segue sendo uma tendência em alta no País segundo dados do Censo da Educação Superior. E isso mesmo antes dos tempos de pandemia. De acordo com a série histórica, o número de vagas EAD ofertadas cresceu em ritmo acelerado nos últimos anos. Se em 2016 existiam 1.622 cursos superiores na modalidade a distância, em 2019 esse número já atingia 4.529 cursos cadastrados no Ministério da Educação (MEC).

Em meio a tamanha oferta de cursos, os estudantes precisam de parâmetros para fazer uma boa escolha da graduação que pretendem seguir. Segundo um dos conselheiros da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed) e mestre em Educação André Genesini, uma estratégia é conversar com ex-alunos e estudantes das instituições de interesse, além de consultar avaliações oficiais e independentes: “Buscar falar com pelo menos uns três ou quatro alunos que fizeram o curso que você pretende fazer para ter uma boa amostra. O Guia da Faculdade também é um local muito legal para ver a nota, a avaliação de cursos. E outro espaço muito importante é o MEC”.

Em relação às diferenças entre um curso presencial e a distância, André Genesini avalia que os dois pontos principais são a disponibilidade, do material e das aulas, e a autodisciplina exigida do aluno. “A principal diferença é a disponibilidade. Você pode fazer um curso a distância a hora que quiser, 24 horas por dia. Exatamente por isso tem gente que acha que vai ser mais fácil um curso a distância”, afirma André. Essa percepção, no entanto, é equivocada, pois a flexibilidade de horários deve ser acompanhada de disciplina e autogestão do estudante para que as matérias não se acumulem. “Se o aluno está fazendo o curso a distância achando que vai ser mais fácil, na verdade, vai ser mais difícil. Se você está disposto a estudar de verdade, tem muito mais acesso ao professor”, complementa.

Além disso, outra característica do ensino a distância é a adaptação que pode ocorrer diante dos diferentes perfis de alunos. “Tem aluno que prefere aprender lendo; outro, vendo um vídeo; e outro, ainda, interagindo com os colegas em grupo ou fazendo um trabalho prático. E um bom curso online deve ter ferramentas para todos os tipos de aprendizados, que atendam esses variados perfis de alunos”, analisa o conselheiro da Abed.

Os recursos tecnológicos – as chamadas Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), que incluem materiais didáticos multimídia, com vídeos, áudios e infográficos – também são citados como um diferencial do ensino EAD por Petrilson Pinheiro, professor da Unicamp e coordenador do grupo de pesquisa do CNPQ Multiletramentos na Escola por Meio da Hipermídia. Petrilson, porém, afirma que os conteúdos multimídia devem ser explorados de modo mais intenso: “O simples uso de TICs no ensino pode não mais do que simplesmente replicar práticas tradicionais de ensino, como ainda acontece no contexto atual de pandemia, com videoaulas e testes online, que, de certa forma, replicam práticas de ensino tradicionais de sala de aula”.

Para o professor, as tecnologias devem ser empregadas de modo mais reflexivo e intenso: “Passamos a lidar com muito mais informação do que jamais poderíamos memorizar para uma simples avaliação. Por isso, mais do que fazermos nossos alunos decorarem conteúdo, precisamos elaborar avaliações que possam, de fato, avaliar a capacidade de busca e seleção de informação e, sobretudo, o pensamento crítico e criativo em relação a essa informação”.

Se você é da turma que prefere a flexibilidade e autonomia do ensino a distância, a gente te dá uma ajuda na busca por um bom curso apresentando a seguir as avaliações estreladas este ano no Guia da Faculdade em 11 áreas do EAD.

 

Número de cursos superiores de EAD no Brasil 2000/2019

 

 

Administração

O curso de Administração permite ao profissional trabalhar em diferentes setores dentro de uma empresa, como finanças, tecnologia e marketing. Além disso, segundo a coordenadora do curso de Administração EAD do Senac, Silmara Gomes, “em tempos complexos como o que vivemos, a demanda por bons administradores sempre aumenta. E o curso de Administração abre inúmeras portas para se especializar na área que mais agradar”.

Ainda de acordo com Silmara, um bom curso de Administração EAD possui as mesmas características de um bom curso presencial, entre elas, seguir as diretrizes curriculares do MEC e proporcionar conhecimentos sólidos para a formação do estudante. Segundo a coordenadora, projetos integradores e atividades complementares também são alguns dos diferenciais, pois “aproximam os alunos com trabalho em grupo e trocas de experiência”.

Outro fator a ser levado em consideração no momento da escolha pela modalidade é o perfil do estudante. “Um curso EAD possibilita flexibilidade, mas exige disciplina e rotina. A modalidade deixa [o aluno] autônomo na aprendizagem, não sozinho, você sempre terá professores para lhe apoiar, mas a organização exige autonomia e disciplina”, avalia a coordenadora.

Os cursos estrelados

4 ESTRELAS

Estácio, PUC Minas, Senac-SP, UCB, UCDB, UFMA, UniAndrade, UniBrasil, UNIBTA, Unifran, Unirp, Unisinos, Unisul, Universidade Anhembi Morumbi, Universidade Cruzeiro do Sul, UP e UVA-RJ

3 ESTRELAS

Braz Cubas, Estácio Santa Catarina, Fael, FAG-PR, FAM-São Paulo, FMU, Fumec, Iesb-DF, Metodista, Newton Paiva, UCB-RJ, UDC Sede, Ulbra, Uniasselvi-Indaial, Unicesumar-Maringá, Unicid, UniFaccamp, Unifeob, Unigran, Unigranrio, Unijorge, Unijuí, Unilavras, Unimes, UninCor, Uninter, UniOPet, Unipar, Uniplan, Unisanta, Unis-MG, Unitau, Unit-SE, Uniube, Universidade Anhanguera-Uniderp, Universidade Brasil, Universidade Ceuma, Unoeste, Unopar e UnP

Ciências Contábeis

Os formados em Ciências Contábeis são profissionais aptos a trabalhar com contabilidade, uma área próxima à Administração, e que possui um bom nível de empregabilidade. Para o coordenador do curso de Ciências Contábeis e Gestão Financeira EAD da Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), Williams Meirelles, a regularização da profissão, em 2007, ajudou a atividade a se destacar entre as empresas. “Dados do Caged apontam que 93% dos alunos formados estão atuando, ou seja, é uma taxa de empregabilidade altíssima, e os ramos de atuação são os mais diversos possíveis. Costumo brincar, em sala de aula, que até mesmo a ‘massa falida’ de uma organização precisa de contador, e realmente não faltam vagas para os bons profissionais”, afirma Williams.

Além disso, em relação à qualidade do ensino a distância, o interessado deve se informar sobre o conceito que o MEC atribui ao curso, entre outras características. “Um bom curso deve buscar desenvolver as competências dos alunos e não apenas trazer conteúdos. Os alunos podem analisar isso por meio da avaliação dos planos pedagógicos dos cursos, se a IES tem um modelo de ensino baseado em competências”, aconselha o coordenador.

Os cursos estrelados

5 ESTRELAS

Fipecafi

4 ESTRELAS

Estácio Santa Catarina, Iesb-DF, PUC Minas, Senac-SP, UCB, UCDB, Unifran, Unigran, Unigranrio, Unipar, Unisinos e Unisul

3 ESTRELAS

Braz Cubas, FMU, Fumec, Ítalo, Metodista, Newton Paiva, Trevisan Escola de Negócios, Ulbra, Uniasselvi-Indaial, Unicesumar-Maringá, Unicid, UniFaccamp, Unifeob, Unijorge, Unimes, Uninter, UniOPet, Unisanta, Unit-SE, Uniube, Universidade Anhanguera-Uniderp, Universidade  Anhembi Morumbi, Universidade Ceuma, Universidade Cruzeiro do Sul, Unopar, UnP, UP e UVA-RJ

Educação Física

Educação Física

A formação em Educação Física permite ao profissional trabalhar em escolas, academias, serviços públicos, empresas e na área de saúde e bem-estar, em geral. A coordenadora do curso de Educação Física EAD do Centro Universitário Inta (Uninta), Stela Soares, afirma que o mercado de trabalho nessa área é dinâmico, de modo que o educador físico precisa permanecer atento às novidades. “Precisamos salientar a necessidade de qualificação, de buscar ser diferenciado, de trabalhar as inovações no mercado, de não insistir em repetição de modelos ultrapassados e acreditar que o seu principal instrumento é a sua criatividade”, orienta.

Ainda de acordo com a coordenadora, um bom curso de Educação Física EAD deve permitir que o aluno seja mais autônomo, de modo que ele possa escolher, ao final do curso, qual carreira seguir. “Um curso que dê autonomia para o aluno para a partir dos conteúdos ofertados compreender e ser capaz de executar a profissão a qual pretende”, explica.

 

Os cursos estrelados

4 ESTRELAS

Uece (L), UEPG (L), UFJF (L), Unifran (L) e Universidade Cruzeiro do Sul (L)

3 ESTRELAS

Uneb (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicesumar-Maringá (L), Unicid (L), Uninter, Uninter (L), Unitau (L), Universidade Anhanguera-Uniderp (L), Unopar (L), UP e UP (L)

Engenharia de Produção

Engenharia de Produção

O mercado de trabalho para os engenheiros de produção é amplo, pois a formação permite ao profissional atuar em empresas de diferentes setores. Para o coordenador do curso de Engenharia de Produção EAD do Centro Universitário Toledo (UniToledo), Sérgio Mazini, “o mercado está bastante aquecido para os alunos da Engenharia de Produção, não somente para os formandos, pois as possibilidades de atuação ao longo do curso por meio de estágios ou mesmo um emprego efetivo são grandes”.

Em relação ao processo de escolha de um curso, Sérgio aconselha que, assim como em um curso presencial, o aluno analise a graduação como um todo, desde o ensino em sala de aula até outras atividades desenvolvidas ao longo da formação. Sobre o curso EAD, o estudante deve ficar atento com o apoio e a qualidade da tutoria oferecidos. “O aluno deve considerar todas as vertentes que um curso de graduação pode proporcionar, como além das atividades de ensino, atividades de pesquisa e extensão. É importante também o curso possuir uma boa infraestrutura, apoio e tutoria para que o aluno possa ser prontamente atendido em suas necessidades e dúvidas”, avalia o coordenador.

Os cursos estrelados

3 ESTRELAS

Braz Cubas, UFF, Uniasselvi-Indaial, Unicesumar-Maringá, Unicid, Unifran, Uninter e Universidade Cruzeiro do Sul

Geografia

Geografia

Os formados em Geografia podem trabalhar como professores da disciplina no ensino básico, caso tenham a Licenciatura, ou como geógrafos, caso tenham o Bacharelado.

A coordenadora do curso de Geografia EAD (Licenciatura) da Universidade de Uberaba (Uniube), Galsione Cruvinel, afirma que vários fatores impactam a qualidade de um curso a distância e devem ser levados em consideração no momento de escolha. “A qualidade do ensino que é ofertado, a seriedade e a credibilidade da IES, o corpo docente qualificado, o material didático bem produzido, uma tutoria presente e a diversidade de colaboradores que trabalham diretamente com o atendimento ao aluno”, pontua.

Em relação às diferenças entre o curso presencial e o EAD, a que se destaca é a da própria rotina do aluno. “Na modalidade EAD, o aluno consegue fazer melhor a gestão do seu tempo, se torna mais dedicado aos estudos, ele pode estudar de onde e quando quiser, desde que cumpra os prazos das atividades avaliativas estabelecidos. No presencial, o aluno precisa enfrentar horas em uma sala de aula, muitas vezes depois de um dia exaustivo de trabalho”, afirma a coordenadora.

Os cursos estrelados

4 ESTRELAS

IFPE (L), UEPG (L), Ufal (L), Ufop (L), UFS (L), UnB (L), Unicid (L) e Uniube (L)

3 ESTRELAS

Fael, Uece (L), Uerj (L), UFPI (L), UFRN (L), Ulbra (L), Uneb (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicesumar-Maringá (L), Unifran (L), Unigran (L), Unimes (L), Uninter (L), Unitau (L), Universidade Cruzeiro do Sul (L) e Unopar (L)

História

História

O curso de Licenciatura em História deve fornecer uma formação crítica e reflexiva sobre a realidade e os rumos da própria História, segundo a coordenadora do curso de História EAD da Universidade de Uberaba (Uniube), Ana Borges.

Por isso, antes de realizar a matrícula em um curso a distância, a coordenadora afirma que o estudante deve verificar a grade de disciplinas, a nota atribuída pelo MEC, entre outros quesitos. “Avaliar a reputação da instituição também é importante, se possui tradição educacional, se oferece uma boa infraestrutura nos polos presenciais, se tem um compromisso com uma formação educacional de qualidade, se promove a inclusão”, explica.

Em relação ao mercado de trabalho, é importante saber que as oportunidades profissionais vão além da sala de aula. “Existe também a possibilidade de prestar consultorias e assessorias em instituições públicas e/ou privadas que necessitem do conhecimento de um historiador: arquivos públicos, museus, exposições e curadorias, meios de comunicação em massa, preservação do patrimônio cultural, entre outros espaços educativos ligados à produção artística, cultural, turística e a movimentos políticos e sociais”, afirma a coordenadora.

Os cursos estrelados

5 ESTRELAS

Mackenzie (L) e Unirio (L)

4 ESTRELAS

UCDB (L), UCP (L), Uespi (L), UFPI (L), UFS (L), Ulbra (L), Uneb (L), Unicid (L), Unifran (L), Unigran (L), Unimes (L), Unitau (L) e Uniube (L)

3 ESTRELAS

UFRN (L), Unicesumar-Maringá (L), Unicid, Unijorge (L), Uninta (L), Uninter, Uninter (L), Unipar (L), Universidade Cruzeiro do Sul (L), Unopar (L) e UVA-RJ (L)

Letras
Letras

Uma pessoa formada em Letras tem oportunidades profissionais que vão além da sala de aula. Para a coordenadora do curso de Letras EAD da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Angela Catonio, “as atividades de revisor e editor de texto, crítico literário, escritor e produtor de conteúdo em páginas da internet” são algumas das carreiras que a formação permite.

Em relação ao EAD, Angela acredita que essa modalidade de ensino cresce a cada ano devido a facilidades no acesso ao conteúdo. “O curso EAD permite a flexibilização dos horários, o que possibilita conciliar melhor os horários de trabalho com os estudos. Outra diferença é que o estudante pode escolher uma instituição bem longe de onde reside. Dessa forma, o ensino a distância permite maior liberdade de escolha da instituição de ensino superior desejada”, analisa.

Assim como outros coordenadores e especialistas da área, a coordenadora afirma que o EAD demanda organização e maturidade do estudante: “Vale citar que, ao cursar EAD, o estudante adquire maior autonomia intelectual e responsabilidade para realizar suas atividades”.

Os cursos estrelados

5 ESTRELAS

Uniube (L)

4 ESTRELAS

Braz Cubas (L), Mackenzie (L), UCDB (L), UEPG (L), Ufal (L), UFC (L), UFPB (L), Ufpel (L), UFPI (L), UFRPE (L), UFS (L), Ulbra (L), Uneb (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicid (L), Unifran (L), Unijorge (L), Unimes (L), Uninter, Unipar (L), Unisanta (L), Unis-MG (L), Unitau (L) e UVA-RJ (L)

3 ESTRELAS

Estácio (L), Fael, Ifal (L), UCB (L), Uern (L), UFPE (L), UFSM (L), Unicesumar-Maringá (L), Unigran (L), UniGrande (L), Unimontes (L), Uninassau (L), Uninter (L), Unir (L) e Universidade Cruzeiro do Sul (L)

Matemática

Matemática

A Licenciatura em Matemática habilita o profissional a trabalhar como professor na educação básica. “Há sempre uma grande demanda de trabalho para os formados. Muitos deles têm a oportunidade de começar a sua carreira docente ainda durante o curso, com a realização de estágios, ou como professores contratados temporariamente em escolas públicas e privadas”, afirma a coordenadora do curso de Matemática EAD da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), Ana Lúcia Pereira.

Sobre a modalidade de ensino a distância, Ana Lúcia afirma que uma boa plataforma de acesso é importante para o desenvolvimento do aluno, já que ela deve “atender às necessidades dos estudantes e fazer com que eles se sintam pertencentes ao curso. Isso pode ser construído por meio de uma boa plataforma, qualidade do material, professores qualificados e, principalmente, acesso aos professores e tutores”.

Além disso, é importante o aluno se informar sobre a instituição de ensino antes de realizar a matrícula. Para a coordenadora, é importante levar em consideração algumas características, como “se a universidade possui boa reputação, a qualificação e experiência dos professores, a qualidade do material e a estrutura da plataforma”.

Os cursos estrelados

4 ESTRELAS

Estácio Santa Catarina (L), IFTM (L), Mackenzie (L), UEPG (L), Ufersa (L), UFF (L), UFJF (L), UFMA  (L), Ufop (L), UFPB (L), UFPE (L), UFS (L), UFU (L), UFVJM (L), Ulbra (L), Uneb (L), Unicid (L), Unifran (L), Unimes (L), Unis-MG (L), Unisul, Unitau (L) e Uniube (L)

3 ESTRELAS

Braz Cubas (L), IFPE (L), Uece (L), Uesc (L), Ufal (L), UFC (L), Ufpel (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicesumar-Maringá (L), Unipar (L), Unisul (L) e Universidade Cruzeiro do Sul (L)

Pedagogia

Pedagogia

O aumento no número de alunos na educação básica é uma oportunidade profissional para os pedagogos. De acordo com a coordenadora do curso de Pedagogia EAD da Universidade Estadual do Ceará (Uece), Francisca de Assis, “a matrícula na educação infantil e nos anos iniciais do ensino fundamental registra aumento gradativo a cada ano, indicando a necessidade da ampliação da oferta de vagas pelos sistemas municipais de educação e, consequentemente, a contratação de professores”.

Ainda segundo a coordenadora, a diferença entre cursar Pedagogia a distância ou presencial está na flexibilidade e adaptação do curso à rotina do aluno: “Compete ao estudante organizar sua dinâmica de estudo, atividades práticas e desenvolvimento da pesquisa, conciliando formação e atividades profissionais”.

Além disso, antes de efetuar a matrícula, o estudante deve atentar-se à qualidade do curso. Para isso, ele deve consultar o projeto pedagógico para verificar se ele é atual. De acordo com Francisca de Assis, alguns parâmetros podem auxiliar o estudante na tomada de decisão. Para a coordenadora, é necessário verificar se há “planejamento e gestão das ações administrativas e pedagógicas, planejamento semestral das atividades pedagógicas e formativas no escopo de cada componente curricular”, entre outras características do curso.

Os cursos estrelados

5 ESTRELAS

Finom-Paracatu (L), Mackenzie (L) e UFRGS (L)

4 ESTRELAS

Braz Cubas (L), FAG-PR (L), FAM-São Paulo (L), FFCL (L), FMU (L), Furg (L), Ifsuldeminas (L), Metodista (L), Newton Paiva (L), São Camilo-SP (L), Senac-SP (L), UCDB (L), UCP (L), UCS (L), UDC Sede (L), Udesc (L), Uece (L), Uenf (L),  UEPG (L), Uesc (L), UFJF (L), Ufop (L), UFPI (L), UFRN (L), UFSCar (L), Uneb (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicep (L), Unicesumar-Maringá (L), Unicid (L), UniGrande (L), Unigranrio (L), Unimes (L), UninCor (L), Unirp (L), Unisanta (L), Unisinos (L), Unisul (L), Unit-SE (L), Uniube (L), Univali (L), Universidade Cruzeiro do Sul (L) e UVA-RJ (L)

3 ESTRELAS

Faculdade Flamingo (L), Faculdade Tecsoma (L), Faculdade UniBF (L), Faep (L), FSG (L), Fumec (L), Iesb-DF (L), Ufal (L), UFPR (L), UFSM (L), Uniara (L), Uniasselvi-Indaial (L), Unicnec (L), UniFaccamp (L), Unifacear (L), Unifacs (L), Unifeob (L), Unifran (L), Unigran (L), Unijorge (L), Unilavras (L), Unimontes (L), Uninta (L), Uninter (L), UniOPet (L), UniProjeção (L), Unisanta (L), Unis-MG (L), Unitau (L), Universidade Anhanguera-Uniderp (L), Universidade Brasil (L), Unopar (L), UnP (L) e UP (L)

Serviço Social

Serviço Social

O curso de Serviço Social é a graduação responsável por formar os assistentes sociais. O mercado de trabalho é amplo e oferece oportunidades em diferentes setores. Segundo a coordenadora do curso na Universidade Braz Cubas, Geni Emília, “as assistentes sociais têm um vasto campo de atuação, tanto no âmbito público quanto no privado. Entre as oportunidades, estão as atividades relacionadas a planejar, implantar, executar e gerir projetos, consultoria em empresas, ONGs, instituições de saúde ou até mesmo trabalhar com pesquisas e atuar na docência”.

Em relação ao curso EAD, engana-se quem pensa que essa modalidade de ensino é mais fácil. “A priori é preciso desmistificar que os cursos de educação a distância são mais fáceis. Ao contrário do que muitos pensam, a exigência nos cursos de educação a distância é até maior que a de um curso presencial”, avalia Geni Emília.

Desse modo, espera-se que o aluno tenha comprometimento com os próprios estudos. “É importante ter olhar atento quanto aos métodos de ensino, já que o estudante dessa modalidade será o principal ator do cenário, uma vez que ele é o responsável pelo processo de aprendizado, pois ocupará o centro das ações educativas por meio da problematização da realidade”, analisa a coordenadora.

Os cursos estrelados

4 ESTRELAS

Unifran

3 ESTRELAS

Braz Cubas, UCDB, Ulbra, Unicesumar-Maringá, Unifacs, Unigran, Unijorge, Unimes, Uninter, Unirp, Unisul, Unit-SE, Universidade Cruzeiro do Sul, Unopar e UnP

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação

O curso de Sistemas de Informação forma profissionais para a área de Tecnologia da Informação (TI), cuja demanda pela mão de obra cresce a cada ano. Para se ter ideia, segundo a coordenadora do curso na modalidade EAD na Unisinos, Denise Bandeira, a “Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação e de Tecnologias Digitais (Brasscom) estima que 420 mil profissionais serão necessários para dar conta das demandas de empregos na área de TI entre os anos de 2018 e 2024, isso significa 70 mil profissionais novos por ano até 2024”.

Ainda assim, uma formação de qualidade é um diferencial para qualquer profissional. Por isso, de acordo com a coordenadora, “é importante que o curso mantenha seu currículo atualizado, abordando tecnologias de ponta, como a computação em nuvem, a internet das coisas, o big data, entre outras”.

Ao mesmo tempo, o estudante deve ter em mente que o ensino a distância requer proatividade e organização de sua parte. “O aluno terá que dispor de tempo e ser disciplinado para estudar ao longo de todo o semestre, pois existem atividades periódicas para serem entregues e que são avaliadas”, analisa Denise Bandeira.

Os cursos estrelados

3 ESTRELAS

Fumec, UFPI, UFRPE, Unipar, Unisinos e Unis-MG