É preciso dizer a verdade, ser interessante e estar nos lugares certos. Aliás, essa fórmula tem uns 100 anos e não mudou.”

Guime Davidson, vice-presidente de criação da WMcCann

Para fortalecer uma marca neste momento é necessário entender que, quanto mais o consumidor tiver o poder de fugir da comunicação das marcas, mais interessante, inusitada e relevante ela vai precisar ser para conquistá-lo.”

Marcelo Nogueira, diretor de criação da AlmapBBDO

É preciso apresentar pontos de vista claros, honestos para o universo da marca e, acima de tudo, relevantes para o consumidor. ”

André Gustavo, managing director da W+K São Paulo

É necessário colocar o consumidor no centro de tudo. Ele é o foco. Foi-se o tempo no qual as marcas falavam de cima para baixo. Foi-se o tempo em que as atenções estavam voltadas para os breaks comerciais. Hoje, para uma marca construir relevância na vida das pessoas, ela precisa saber que não fala mais com um público. Ela fala com indivíduos. Pessoas que buscam afinidade de pensamento com anunciantes que invadem seus momentos de lazer.”

Ana Hasegawa, diretora-geral de atendimento da Africa

É fundamental saber identificar suas reais necessidades e dialogar com ele de forma transparente.”

Erh Ray, copresidente do Havas Creative Group Brasil

Para gerenciar e fortalecer uma marca neste momento de transformação do relacionamento com o consumidor, é preciso entender que o faturamento não é a alma do negócio.”

Fabio Fernandes, presidente e diretor-geral de criação da F/Nazca Saatchi & Saatchi

É preciso coragem para fazer diferente, ainda que signifique correr riscos. Honestidade para ter um discurso coerente e ganhar a admiração dos consumidores. E agilidade para garantir respostas rápidas.”

Pernil, diretor de criação da AlmapBBDO

É fundamental ouvir o que ele tem a dizer e atender suas necessidades. Ser transparente, relevante e contundente ao transmitir seus valores.”

Hugo Rodrigues, presidente da Publicis

É obrigatório ter uma visão multifocal para localizar o cliente em um cenário tão fragmentado, buscá-lo utilizando as plataformas mais adequadas e relacionar-se com ele o maior tempo possível, sem que se sinta incomodado.”

Angela Drumond, diretora da Impacto Comunicação

É preciso atender as demandas do cliente com agilidade e profundidade, entender que o contexto de canais de comunicação já é plural e surpreender o consumidor com uma mensagem efetiva e criativa.”

PC Freitas, diretor-geral de atendimento da Africa

A chave é entender como seu consumidor pensa agora e como sua marca pode ajudá-lo.”

Bob Vieira da Costa, presidente da nova/sb

É indispensável uma boa ideia que fale de uma verdade da marca e seja relevante para o consumidor.”

Alessandra Sadock, diretora de criação da Artplan

Transparência."

Marcio Callage, chief creative Officer da CUBOCC

É preciso proximidade. Proximidade traz empatia, que traz pertinência, que traz resultado.”

Aricio Fortes, vice-presidente de criação da DM9DDB

É preciso ser honesto, dizer a verdade. Pare de tentar descobrir o que o consumidor quer ouvir e procure descobrir o que você tem a dizer.”

Rynaldo Gondim, diretor de criação da AlmapBBDO
continuar lendo